sábado, 9 de janeiro de 2010

É difícil amar...


Amar é fundamental, creio que todos pensam assim...
Mas amar muitas vezes te coloca em situações muito complicadas.
No ano que passou, meu filho mais novo, o Matheus, realizou um sonho meu ao entrar para o Colégio Militar!
Ótimo...
Mas foi aí que eu percebi que o amor muitas vezes nos coloca em situações insólitas.
Eu olhava para os olhinhos do Matheus brilhando diante do seu novo desafio, mas sempre esbarrava nos olhos do Júnior.
Olhos felizes pelo irmão e tristes por ser surdo.
Confesso que me tranquei no banheiro, liguei o chuveiro e chorei...
Chorei de alegria pelo Matheus, de tristeza pelo Júnior.
Sei que o Júnior é capaz de conseguir algo até melhor do que ser militar, mas não se trata disso...
Eu sentia o que ele estava sentindo...
E agradecia por um e chorava pelo outro.
Quanto mais se ama, mais se sofre!
Tem sempre um filho que fica de fora...
O sorriso é sempre banhado por uma lágrima...
Deus, como é difícil amar de verdade...
Share/Bookmark
Não serão publicados comentários anônimos, nem ofensivos! Se quiser comentar, mostre sua cara, seja educado e coerente!!

5 comentários:

Marcia Martins disse...

Vc traduziu o que digo aqui em casa p/ minhas filhas e pra família, amigos: "...meu amor por elas( filhas ) é amor q dói, uma dor maravilhosa de sentir... ". Parece maluquice mas é o q sinto...aff dói lá no fundo...
Bjs

Anônimo disse...

Mas um pai que consegue escrever esse post ama de verdade.

www.celiabrandao.com

Paulinha disse...

Mas é amar é isso: sentir a dor do outro e não apenas a alegria. Como bem disse o apóstolo Paulo, o amor "tudo sofre, tudo suporta..."
bj!

Beto Fera disse...

Muito pertinente seu comentário Paulinha!
Velu mesmo!

Beto Fera disse...

Obrigado companheiro anônimo e Paulinha!

Postar um comentário